sexta-feira, 1 de julho de 2011

Quando eu não tiver mais nada para dizer


É essa minha carência seletiva que me afasta de tudo e todos. Pudera eu ser apenas carente, carente e nada mais. Sem preferências, escolhas ou distinções. Simplesmente gostar de quem gosta de mim. Mas o que eu posso fazer se o meu coração é burro, se ele não bate, só apanha? Me diga, o que devo fazer se ele esta cansado e com preguiça de sentir? Eu procurei respostas, eu procurei pessoas e tudo o que eu encontrei nesse labirinto sem saída me fez sentir ainda mais perdido.  Hoje eu já não procuro um alguém,  busco apenas um sentimento. Singelo, puro, verdadeiro. Desses que a gente não consegue esconder, nem controlar, nem desmentir. Eu quero um sentimento que fale por mim quando eu não tiver mais nada para dizer. E até encontra-lo, eu  permanecerei  aqui, sozinho, com a mesma convicção de antes, porque enquanto houverem sonhos para serem sonhados, lugares para serem descobertos e sorrisos a serem despertados, haverá esperança.


“Que me desculpem os pessimistas de plantão, mas eu não consigo compartilhar dessa falta de esperança no amanhã". 

Luan Emilio Faustino 01/07/2011 23:10h

11 comentários:

  1. Pois somos dois carentes e que só apanham, então!
    XD
    Tenho que confessar que, lendo o seu texto, me fez lembrar de tanta gente legal que eu afastei por causa de uma simples "paixão platônica". Ao invés de fazer bem, eu fiz mal.
    Mas hoje as coisas são completamente diferentes! rs

    Ah, e nem preciso dizer que o texto está lindo, né? XD

    (L)

    ResponderExcluir
  2. *-*
    Eu quero um sentimento que fale por mim quando eu não tiver mais nada para dizer.

    è so isso e nada mais,é o que um dia eu pedi,mas esse dia inda nao chegou e será que um dia ele virá?
    nao sei,nao tenho respostas para o amanha,porem tenho respostas para o hj,que se um dia ele vier estarei pronta...
    by-lele
    ^^...lindooo...

    ResponderExcluir
  3. ‎"O que tem de ser, tem muita força”. Ninguém precisa se assustar com a distância, os afastamentos que acontecem. Tudo volta! E voltam mais bonitas, mais maduras, voltam quando tem de voltar, voltam quando é pra ser. Acontece que entre o ainda-não-é-hora e nossa-hora-chegou, muita gente se perde. Não se perca, viu?

    ResponderExcluir
  4. Muito lindo o texto.

    ResponderExcluir
  5. nessa minha busca incansante de encontra alguém
    percebi que só quero aprender a amar
    saber ao certo oque isso é de verdade
    enquanto isso nao acontece eu acabo me escondendo
    e me mantendo ali preso ao meu mundo
    com uma mascara sorrindo,para ao menos demonstrar que estou bem
    pois a minha vida é como se fosse um disco arranhado
    insiste em tocar sempre a mesma musica



    otimo texto Luan
    Parabéns
    beijos

    ResponderExcluir
  6. nem preciso de falar que os teus textos são lindos né? Realmente o que tu compartilhou ai, faz todos lembrarem de certos momentos que deixamos o coração às vezes mandar, eu mesmo tento ser diferente a cada vez que acontece, mas o meu coração só apanha e apanha e eu falo sempre que na próxima eu vou melhorar e nada disso acontecer ... Nunca vamos ter uma resposta realmente, mas é a vida, é o amor .. é algo inexplicável ... =X

    ResponderExcluir
  7. Perfect...como sempre as palavras que li me arrepiaram...rs
    Não tenho muito o que dizer cara...o que voce escreve (e escreve a cada dia melhor) esta se tornando indescritivel...só o que tenho a dizer agora é PARABENS a voce sempre!!!!

    ResponderExcluir
  8. ficoo muito lindo, e mi inspiro hudsa, parabens ;D

    ResponderExcluir
  9. Lindo texto =( cada vez que leio seus textos me faezm acreditar que um dia eu possa mudar e que eu vou encontrar a felicidade.Obrigada por me ajudar sempre com suas palavras .
    Camila Fernanda Servo <3

    ResponderExcluir
  10. Nossa, eu concordo completamente com o que voce falou. Às vzs eu acho q essa carencia, q tambem me atinge, nunca vai acabar... é ruim isso... mto mesmo... =/
    Mas, sejamos perseverantes! ^^

    ResponderExcluir
  11. Muito bom.. mais não só esse texto mais como os outros também . :D

    ResponderExcluir